Óleo Essencial de Artemisia 10 ml
6 de julho de 2018
Óleo Essencial de Gengibre 05 ml
6 de julho de 2018
Exibir tudo

Óleo Essencial de Olíbano Incenso 5 ml

R$280,00

O óleo essencial de Olíbano é um produto natural, 100% puro e sem conservantes.

Produto Vegano – livre de testes em animais e ingredientes de origem animal.

Não possui em sua composição: Parabenos, Sulfatos, Corantes, Silicone ou Essências artificiais.

Embalagem: Vidro âmbar contendo 10 ml de óleo essencial com gotejador.

Tipo de Extração: O Óleo Essencial de Olíbano é extraído da resina da Boswellia carterii pelo processo de Destilação à vapor.

Sinônimos: incenso, olibanum.

História da Planta:

O termo olíbano provavelmente significa óleo do Líbano (olium libanum). O vocábulo francês correspondente é “Frankincense”, que significa incenso real. O olíbano era queimado nos altares do Egito como oferenda aos deuses e era usado como recurso facilitador da meditação – uma tradição que ainda é mantida em algumas religiões. Produz uma resina aromática, usada em aromaterapia e no preparo do incenso, que lembra o leite, e é obtida por incisão no tronco da árvore.

É uma resina oleosa, que endurece com a exposição ao ar, sendo melhor a resina produzida pelas árvores jovens. A resina pode ser queimada, mas hoje em dia ela é transformada em óleo, e usado em perfumaria. As gotas maiores e mais claras são usadas para mascar na Somália. Nos tempos dos Romanos, o olíbano era tão valioso quanto o ouro. O olíbano foi um dos presentes dos Reis Magos para o menino Jesus recém nascido.

Os egípcios usavam o olíbano em seus rituais religiosos, assim como os babilônios, os assírios, os persas e os judeus. De acordo com Heródoto, era colocado nos altares dos templos na Babilônia e os árabes sempre levavam olíbano de presente para o Rei Dario, da Pérsia. Os gregos e romanos usavam olíbano como incenso, mas não como oferenda aos deuses: era usado na vida diária, sobre as brasas que aqueciam as casas. Mais tarde, passou a ser importante nos rituais da Igreja Católica. Plínio, o Velho, usava olíbano como antídoto contra envenenamento por cicuta; Avicena (médico iraniano, nascido perto de Bukhovo, que agora é Uzbequistão, e viveu de 980 a 1037) – aconselhava olíbano para o tratamento de tumores, vômito, desinteria e febres.

O Khol, o pó negro com a qual as mulheres egípcias pintam as pálpebras, é feito de resina de olíbano queimado. A resina é considerada afrodisíaca e para aumentar seu efeito. é misturada ao ópio. É uma das plantas sagradas de Afrodite, um dos perfumes que parece ter efeito sensual. Também era usado para fumigar o enfermo com o objetivo de expulsar os maus espíritos.

Aspectos Botânicos:

Trata-se de um arbusto, ou árvore resinosa, pertencente à família das Burserácea, caracterizado por apresentar uma casca delgada, muito parecida com papel. Desprende espontaneamente um óleo-resina gomosa (incenso); folhas nervadas dispostas em foram de ramos; flores brancas com cinco pétalas – que aparecem na primavera; fruto capsular e carnoso de cor rosa a marrom. É originário das zonas tropicais da Ásia (Arábia) e dos litorais sub-desérticos do noroeste da África (Etiópia e Somália). Crescem naturalmente em solos bem drenados e secos a pleno sol, resistindo a temperaturas mínimas de 10-15ºC.

Principais Compostos:

A extração da casca apresenta duas frações: uma goma ácida (27-35%) e outra resinosa (60-70%) que dão lugar ao óleo essencial (3-8%) com abundantes hidrocarbonetos terpenicos – destacando-se o acetato de octil (50-60%), alfa-pineno (1,0-4,6%), alfa-tujeno (0,1-1,5%), octanol (3,5-12,7%), acetato de incensil (3,0-4,1%), incensol (2,1-2,7%), limoneno (1,7-2,4%), linalol (0,2-2,5%), cenbreno (<2,3%), isocembreno (<1,8%), 1,8-cineol (<1,6%), (E)-beta-ocimeno (1,0-1,5%), canfeno (<1,1%), etc.

Curiosidades sobre o Óleo Essencial de Olíbano

Quantidade de Olíbano para Extração do óleo: 25 a 50 kg de matéria prima para 01 kg de óleo essencial.

Nota Aromática: Média para Básica.

Aroma: Balsâmico, resina.

Mistura-se Bem Com: manjericão, gálbano, gerânio, toranja, lavanda, laranja, melissa, patchouli, pinho e sândalo.

Os óleos essenciais são substâncias naturais extraídas de plantas de diversas partes do mundo. Estas substâncias podem ser encontradas nas flores, nas folhas, nos caules, nas hastes, nas cascas ou nas raízes. Desta forma, podem existir variações em seus aromas e compostos.

Modo de uso dos óleos essenciais:

Aromatizador (aproximadamente 15 gotas).

Banhos (20 gotas após encher a banheira dissolvidas em uma colher de sopa de óleo vegetal).

Compressa (5 a 10 gotas em 1/2 litro de água).

Inalação (2 gotas em um lenço ou inalador com soro fisiológico ou água).

Massagem (1 a 3 gotas por colher de sopa de óleo vegetal).

Óleo para rosto (1 gota em 1 colher de sopa de carreador).

Cabelos (1 a 3 gotas por colher de sopa de óleo vegetal ou shampoo).

Uso tópico (5 gotas por colher de sopa de óleo vegetal).

Os óleos essenciais são substâncias concentradas e devem ser usados sempre diluídos. Devem ser utilizados sob a orientação de um profissional qualificado.

A By Samia não se responsabiliza pelo uso indevido dos produtos aqui vendidos.

Fonte (By Samia)

Informação adicional
Peso 40 g
Dimensões 3 x 3 x 7.5 cm
Avaliações (0)

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Óleo Essencial de Olíbano Incenso 5 ml”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *